Digital clock - DWR

quarta-feira, 10 de maio de 2017

Deputado critica Sérgio Moro e sugere que ele renuncie

Resultado de imagem para moro
O deputado estadual Jeová Campos (PSB) usou a tribuna da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), na terça-feira (9), e fez duras críticas ao juiz Sérgio Moro "Eu não posso deixar de expressar minha indignação pessoal com a mais recente postura do juiz Sérgio Moro. Como é que um julgador, vai para um canal de televisão, para dizer o que o povo deve ou não fazer? 
Onde está a imparcialidade deste magistrado? Como é que um juiz se atreve, tem a coragem, a cara de pau, a falta de vergonha na cara de ocupar uma rede de TV para dizer o que o povo deve ou não fazer no interrogatório de qualquer que seja o cidadão deste país", alegou.
Conforme o parlamentar, o ex-presidente Lula não está acima da lei, mas, também não está abaixo dela. "Quem está se colocando acima da Lei é justamente o juiz Sérgio Moro. Por que ele se coloca acima da Lei? Ele não tem o direito de ir a uma TV e dizer ‘vocês não compareçam', isso é uma atitude que não condiz com a postura de um magistrado", afirmou.
Na opinião de Jeová, o juiz Sérgio Moro deveria deixar a toga, criar um partido da Lava a Jato, ser candidato a presidente e fazer o enfrentamento no debate político. "Só desta forma, eu diria que ele estaria atuando com legitimidade, mas ele se passar agora por um grande julgador do povo brasileiro, um grande inquisidor, o grande justiceiro e ter a desfaçatez de ocupar um canal de TV para dizer em qual ato o povo brasileiro deve ou não comparecer, esse não é papel de um juiz. Esse é papel de militante político", ponderou. Com News Comunicação. Por Redação Portal Tambaú 247. Foto: G1.
Créditos: Tambaú 247

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários aqui publicados são de responsabilidade de seus autores.