Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

quinta-feira, 30 de abril de 2015

CPI do HSBC aprova convite para delator francês prestar depoimento


CPI do HSBC aprovou, nesta quinta-feira (30), convite para ouvir o francês Hervé Falciani, o técnico de informática que vazou os dados bancários de correntistas da empresa em Genebra, na Suíça.

Os senadores acreditam na possibilidade de Falciani vir ao Brasil prestar depoimento na comissão desde que ex-funcionário tenha condições apropriadas de segurança, garantidas pelo Ministério da Justiça.

O vice-presidente da CPI do HSBC, o senador Randolfe Rodrigues (PSOL) afirmou que, caso o delator não possa vir ao País, uma comitiva deverá ir até Paris, França, para ouvi-lo.

Falciani é acusado pelas autoridades suíças de roubo de dados. Atualmente, ele mora em Paris e só aparece em público com guarda-costas.

A CPI do HSBC investiga se há irregularidades nas denúncias e se as mais de seis mil contas de brasileiros no banco em Genebra, na Suíça, burlaram a fiscalização. Estima-se que os depósitos dos brasileiros possam chegar a US$ 7 bilhões.

Além disso, foi remarcada pela segunda vez a audiência com o presidente do HSBC no Brasil, Guilherme Brandão, para prestar esclarecimentos à comissão sobre a atuação do banco no caso.

O senador Randolfe sugeriu que, caso o convidado não apareça e a sessão tenha que ser remarcada pela terceira vez, que a CPI faça uma convocação à Brandão.

Foi aprovado também o aviso à Procuradoria-Geral da República sobre a existência da CPI, para que as informações possam ser compartilhadas e aprovada a solicitação de compartilhamento de informações com o Ministério da Justiça.

Entenda o caso – No início de fevereiro, o Consórcio Internacional de Jornalistas Investigativos (ICIJ), divulgou o projeto SwissLeaks, por meio do qual foram expostos quase 60 mil arquivos com detalhes sobre mais de 100 mil correntistas do HSBC e suas movimentações bancárias, entre 1988 e 2007.

As contas bancárias reveladas somam mais de US$ 100 bilhões depositados em filiais do banco por correntistas ao redor do mundo.

À época, os dados sobre as correntes foram vazados pelo ex-funcionário do banco Herve Falciani. As informações foram entregues por ele a autoridades francesas, em 2008. Com o projeto SwissLeaks, mais de 140 jornalistas em 45 países investigam os nomes envolvidos no caso.

Até o momento, foram descobertas contas secretas, no HSBC da Suíça, de 6,6 mil brasileiros. Estima-se que os depósitos de correntistas brasileiros no paraíso fiscal possam chegar a US$ 7 bilhões.

Desde fevereiro, a investigação feita pelo Consórcio Internacional de Jornalistas Investigativos apontou que vários políticos, artistas, atletas, empresários e celebridades estão envolvidos em um caso de fraude fiscal com suas contas na filial suíça do HSBC.

Da Redação da Agência PT de Notícias

PSB aprova fusão com PPS

:


A Executiva Nacional do PSB aprovou nesta quarta-feira (29) o início da fusão com o PPS. A aprovação, com 37 votos a favor e apenas uma posição contrária, dá início às discussões internas que deverão resultar na oficialização da junção em junho, quando o PSB realiza um congresso nacional. O PPS já havia sinalizado ser favorável à união entre as duas legendas. Nesta quinta-feira (30), o PSB também deverá formalizar o convite para que a senadora Marta Suplicy, que está deixando o PT, filie-se ao partido de maneira a concorrer à Prefeitura de São Paulo nas próximas eleições municipais.
O processo de aproximação entre PSB e PPS teve início nas eleições presidenciais do ano passado, quando os dois partidos uniram forças em torno da candidatura presidencial do ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos. Coma morte de Campos em um acidente aéreo em agosto, as duas legendas apoiaram a candidatura da ex-senadora Marina Silva, que era vice na chapa de Campos.
"Tem uma história, tem um acúmulo político. Essa história está sendo discutida dentro da executiva dos partidos – do PPS e do PSB – e a gente vai, a partir da reunião de hoje do PSB, ver os próximos passos que serão dados", disse o prefeito do Recife e primeiro secretário nacional do PSB, Geraldo Julio.A fusão entre PSB e PPS resultará na quarta maior bancada da Câmara Federal; atualmente, o PSB detém a 6ª maior bancada da Casa e a quarta do Congresso; o PS.
Créditos: Brasil 247

Estudantes têm até hoje para aderir ao Fies

Termina hoje (30) o prazo para adesão de contratos do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). Para obter o financiamento, os candidatos devem acessar o Sistema Informatizado do Fies (SisFies). De acordo com o último balanço do Ministério da Educação (MEC), foram firmados 249,9 mil contratos.
Os candidatos devem ter obtido pelo menos 450 pontos na média das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e não podem ter tirado 0 na redação. O MEC diz que está monitorando o sistema para garantir o pleno atendimento a quem ainda pretende fazer a inscrição. A orientação, em caso de dúvida, é entrar em contato com a central de atendimento, pelo telefone 0800 616161.
Segundo os critérios divulgados pelo MEC, os estudantes que pleiteiam financiamento em cursos nota máxima nas avaliações da pasta, que é 5, têm mais chance de obter o financiamento, pois todos as vagas ofertadas pela instituição de ensino serão atendidas. Para o financiamento de graduações com notas 3 e 4 serão considerados alguns aspectos regionais, com prioridade para localidades e cursos que historicamente foram menos atendidos. 
O estudante pode consultar a nota do curso na internet, no portal e-MEC. Basta clicar no estado, selecionar a instituição de ensino e em seguida a graduação. Já os estudantes com contrato vigente têm até o dia 29 de maio para fazer a renovação, também pelo SisFies. Ainda faltam ser aditados 156,9 mil contratos.
O Fies oferece cobertura da mensalidade de cursos em instituições privadas de ensino superior a juros de 3,4% ao ano. O estudante começa a quitar o financiamento 18 meses após a conclusão do curso. O programa acumula 1,9 milhão de contratos e abrange mais de 1,6 mil instituições.Foto: EBC
Créditos: Rede Brasil Atual

Facebook Messenger fará chamadas de vídeo gratuitas


Pouco depois de anunciar que já detém cerca de 10% das chamadas VoIP mobile, o Facebook anuncia agora que o Messenger vai permitir chamadas de vídeo gratuitas entre os usuários do app. A opção estará disponível tanto pelo Wi-Fi, quando a conexão deve ser mais estável, quanto pelos planos de dados como 3G e 4G.
As chamadas gratuitas estarão disponíveis nos EUA, Canadá, Reino Unido e em outros 15 países, como Oman, Laos e Lituânia. O Brasil, no entanto, ainda ficou de fora, mas pode ser incluído nos próximos meses.
O Facebook já tinha testado as chamadas em vídeo em 2011, em parceria com o Skype. No entanto, a empresa acabou preferindo desenvolver sua própria infraestrutura para essas chamadas, e agora se posiciona como um bom competidor do Facetime (que funciona apenas no iOS), do Hangout, do Viber, do WhatsApp e até do próprio Skype, seu parceiro em anos anteriores.(B9)
Créditos: Paraíba Total

Protesto em Curitiba termina com 170 manifestantes e 20 policiais feridos

Protesto em Curitiba deixa 170 feridosPelo menos 170 manifestantes, na maioria professores, ficaram feridos no confronto com policiais militares em Curitiba na tarde de hoje (29) em frente à Assembleia Legislativa do Paraná, no Centro Cívico. Eles receberam os primeiros socorros no prédio da prefeitura da cidade e na sede do Tribunal de Justiça, que ficam nas proximidades do local. Desses, pelo menos 45 foram levados para unidades de Pronto-Atendimento (UPAs) e hospitais da região.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública do Paraná, 20 policiais ficaram feridos. Os professores, em greve desde segunda-feira (27), protestavam contra um projeto de lei que altera a Previdência estadual.  O projeto foi aprovado no início da noite, em segundo turno, pela Assembleia Legislativa.

A confusão começou por volta das 15h, no Centro Cívico, em frente à Assembleia Legislativa, quando os deputados estaduais começaram a sessão. Manifestantes tentaram romper o perímetro de segurança que a Polícia Militar (PM) traçou em torno do prédio. Os policiais usaram bombas de gás, balas de borracha e jatos de água para dispersar os manifestantes. Os professores recuaram, mas a polícia continuou jogando bombas de efeito moral.

Crianças foram retiradas das escolas da região. “Algumas delas passavam mal em decorrência do gás lacrimogêneo usado pelas forças policiais na Praça Nossa Senhora de Salete [localizada em frente ao prédio da Assembleia Legislativa] para afastar os manifestantes”, informou em nota a prefeitura de Curitiba. A confusão acabou depois que choveu forte no local. Os manifestantes, que saíram de várias cidades do Paraná, continuam na praça, onde planejam os próximos passos da paralisação. O protesto reuniu professores dos ensinos fundamental, médio e superior. A maioria das universidades públicas do Paraná é estadual.

Sete pessoas foram presas, segundo a Secretaria de Segurança Pública, “por envolvimento direto nos ataques aos policiais”. O governo do Paraná atribiuiu o confronto a “manifestantes estranhos ao movimento dos servidores estaduais”. “Lamentável, cenas chocantes e indesejáveis. Arruaceiros, black blocs que partiram para cima de PMs, que preservavam a assembleia. A agressão não partiu dos policiais. Eles ficaram parados para proteger o prédio da Assembleia Legislativa. A polícia não partiu para cima dos manifestantes uma única vez”, disse o governador do Paraná, Beto Richa.

Segundo a Secretaria de Seguraça, será aberto inquérito policial militar, com participação do Ministério Público, para apurar as ações durante o protesto. No total, 1,6 mil policiais participaram da ação. O Sindicato dos Professores do Paraná repudiou a ação policial. “Centenas de policiais foram deslocados, de todas as regiões, para a capital, apenas com o intuito de garantir a votação, na Assembleia Legislativa do Paraná, de uma proposta que poderia ter encontrado consenso, mas que, pela ganância e incompetência do governador, teve sua discussão atropelada”, disse a entidade, em nota. O sindicato informou ainda que a greve continua.

Esta quarta-feira foi o terceiro dia de protesto dos professores. Eles são contrários ao projeto de lei encaminhado pelo Executivo para alterar a Paraná Previdência, regime de Previdência Social dos servidores paranaenses. O projeto foi aprovado, faltando concluir o texto final, para ser devolvido ao governo para sanção.

O Paraná Previdência é formado pelos fundos Militar, Financeiro e Previdenciário. O governo paranaense quer tirar 33 mil aposentados com mais de 73 anos do Fundo Financeiro, sustentado pelo Tesouro estadual e que está deficitário, e transferi-los para o Fundo de Previdência estadual, pago pelos servidores e pelo governo, que está superavitário. Os professores são contra o projeto porque dizem que vai prejudicar a aposentadoria dos servidores, para “salvar as contas do governo”. A categoria representa 70% do funcionalismo estadual.
Créditos: Agencia Brasil

Impressora 3D pode ajudar a curar crianças com doença respiratória

Peça chamada de splint foi impressa em 3D e usada em cirurgia no brônquio esquerdo em um dos pacientes. Chamada de splint, o objeto foi  (Foto: Morrison et al, Science Translational Medicine)Em um novo marco na impressão em 3D, médicos americanos foram capazes de salvar a vida de três crianças que sofrem de uma doença respiratória fatal graças à produção de implantes personalizados que foram absorvidos por seus corpos. Três bebês que estavam à beira da morte por uma traqueobroncomalácia, um transtorno incurável que provoca o colapso da traqueia, tiveram talas aplicadas que lhes permitiram recuperar e respirar normalmente - segundo o estudo publicado na revista "Science Translational Medicine" desta semana.

Embora a técnica ainda não tenha sido aprovada pelos reguladores federais nos Estados Unidos, esses dispositivos personalizados, criados por uma impressora 3D, receberam uma exceção médica de emergência para esses casos particulares e ainda são considerados de alto risco. Kaiba Gionfriddo, o primeiro que recebeu o tratamento, tinha três meses de idade quando passou pela cirurgia. Agora, ele é uma criança saudável de três anos que vai à pré-escola, disseram os pesquisadores.
Outras duas crianças foram submetidas à operação e ambas estão bem.

Com cinco meses de vida, Ian Orbich fez o procedimento que, segundo os especialistas, salvou a sua vida. A mãe dele, Meghan, leu a respeito do procedimento em uma reportagem e foi atrás dos responsáveis pela técnica. Mais de um ano após a operação, ela afirma que o bebê está incrível e que tudo o que aconteceu com sua família foi uma bênção. "Esta é a primeira cura para a doença", afirmou o principal autor do estudo, Glenn Green, professor de otorrinolaringologia pediátrica do Hospital Infantil C.S. Mott da Universidade de Michigan.

Cerca de uma em cada 2.000 crianças nasce com traqueobroncomalácia em todo o mundo, explicou Green. Uma vez que não conseguem exalar completamente, a traqueia das crianças fica propensa a entrar em colapso e o único tratamento é a sedação e cuidados intensivos. No entanto, existem complicações e as infecções são frequentes. Green descreveu a expectativa de vida desses pequenos como "sombria".


Os pesquisadores usaram tomografia computadorizada das vias respiratórias das crianças para criar um implante personalizado feito com biomateriais concebidos para expandir à medida que elas crescerem. "As talas impressas eram tubos ocos e porosos que puderam ser costurados nas vias aéreas afetadas e eram feitas de policaprolactona, um polímero que se dissolve no corpo sem causar danos", informou o estudo.
O processo de desenhar e imprimir o implante levou entre 1 e 3 dias. A tecnologia poderia eventualmente tornar mais fácil tratar doenças raras que têm sido negligenciadas pelas empresas de equipamentos médicos por causa do alto investimento envolvido, disse o co-autor Scott Hollister. Um teste clínico feito em 30 crianças deve ser realizado em breve. No campo da tecnologia 3D para a saúde, já são fabricados aparelhos auditivos, implantes dentários e algumas próteses.
Créditos: G1

quarta-feira, 29 de abril de 2015

Costa confirma propina de R$ 10 mi ao PSDB

O ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa voltou a afirmar, em depoimento à Justiça Federal, na terça-feira (28), ter repassado propina no valor de R$ 10 milhões ao ex-presidente nacional do PSDB Sérgio Guerra, morto em 2014.
Nomeado para o cargo pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, Costa disse aos investigadores da Operação Lava Jato que o valor teria sido pago ao tucano para ajudar a esvaziar uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) criada para investigar a Petrobras, em 2009.
“Fui procurado, não me recordo exatamente se foi em 2009 ou 2010, pelo senador Sérgio Guerra, no Rio de Janeiro, junto com o deputado Eduardo da Fonte (PP-PE)”, relatou Paulo Roberto Costa.
“O Eduardo da Fonte me ligou, disse que queria ter uma conversa comigo e marcou uma reunião em uma dos hotéis lá da Barra da Tijuca. Para surpresa minha, eu nunca tinha tido relacionamento nenhum com o Sérgio Guerra, o senador estava lá”, explicou o delator.
Ainda segundo Costa, após o primeiro encontro teriam acontecido outras duas ou três reuniões. A empresa Queiroz Galvão teria sido, de acordo com o delator, a responsável pelo pagamento.
“O pleito do senador era que se repassasse para ele um valor de R$ 10 milhões para que não ocorresse ou não progredisse ou não tivesse consequências uma CPI da Petrobras neste período”, lembrou. Da Redação da Agência PT de Notícias.

Lucro do Bradesco salta para R$4,244 bilhões

 O Bradesco elevou sua rentabilidade no primeiro trimestre, apoiado em maiores ganhos com juros e no controle de despesas, mas o resultado foi ofuscado em parte pelo desempenho fraco em seguros e pelo aumento da inadimplência.
O segundo maior banco privado do país anunciou nesta quarta-feira que teve lucro líquido de 4,244 bilhões de reais no período, alta de 23,3 por cento ante igual etapa de 2014.
Sem efeitos extraordinários, o lucro somou 4,274 bilhões de reais, aumento de 23,1 por cento ano a ano e praticamente em linha com a previsão média de cinco analistas consultados pela Reuters, de lucro recorrente de 4,261 bilhões de reais.
A rentabilidade sobre o patrimônio líquido (ROE) foi de 22,3 por cento no trimestre, aumento de 1,8 ponto percentual sobre o mesmo período do ano passado.
Refletindo a estagnação econômica do país, o estoque de crédito do Bradesco subiu apenas 7,2 por cento em 12 meses, para 463,3 bilhões de reais até março. O destaque foram as grandes empresas, com alta de 10,4 por cento. As operações para pessoas físicas e para empresas médias e pequenas, que rendem margens maiores, evoluíram apenas 7,1 e 1,9 por cento, respectivamente.
Ainda assim, o banco se beneficiou do aumento das margens com operações de crédito, de 6,8 para 7,3 por cento, e da boa performance da tesouraria, refletindo o ciclo de alta da Selic e dos títulos do banco atrelados ao IPCA.
Outro reflexo do panorama econômico brasileiro foi o índice de inadimplência medido pelo saldo de operações vencidas há mais de 90 dias, que chegou a 3,6 por cento, altas de 0,1 e 0,2 ponto percentual sobre dezembro e sobre março de 2014, nesta ordem.
Os indicadores antecedentes de inadimplência também subiram.
Nessa linha, a despesa do banco com provisão para perdas com calotes deu um salto de 25,1 por cento na comparação anual, para 3,58 bilhões de reais.
Em contrapartida, as despesas administrativas subiram apenas 4,7 por cento em um ano, a 7,08 bilhões de reais.
No segmento de seguros, o lucro cresceu 23,4 por cento ano ano a ano, a 1,28 bilhão de reais. Mas a sinistralidade, que mostra as despesas com pagamentos a segurados, aumentou 1,6 ponto percentual.  (Reuters) .
Créditos: Brasil 247

Terra sofre ameaça de impacto de 500 asteroides

Cerca de 500 asteroides ameaçam potencialmente a Terra, um problema para o qual especialistas da Agência Espacial Europeia (ESA) encontraram soluções que parecem ter saído de um filme de ficção científica. “Temos cerca de 500 objetos próximos à Terra identificados que poderiam, dentro de 100 anos, eventualmente tocar a terra, mas a probabilidade é muito baixa, em alguns casos de 1 em 1 milhão”, disse Detlef Koschny, chefe do setor de NEO (Near-Earth Objects) na ESA.
“Seguimos seus caminhos, tentamos prever o que poderiam ser e se, eventualmente, representarão um risco”, explicou Koschny a partir do centro operacional dos NEO na cidade italiana de Frascati, perto de Roma.“Em caso de perigo real, temos duas soluções atualmente viáveis “, acrescentou o especialista. “O primeiro é o acidente de movimento cósmico”, disse. “Imagine um veículo, que é o asteroide, e um outro veículo, que é a nossa ferramenta, colidindo com ele e o deslocando de sua trajetória. Por conta da pressão, é possível desviá-lo gradualmente da Terra”, afirmou. “A segunda solução é destruir o asteroide com a ajuda de uma explosão nuclear”, acrescenta Koschny.
A questão é: como mirar um objeto espacial viajando a 3.600 km/h com um outro objeto lançado para interceptá-lo com a mesma velocidade? “A partir de uma experiência americana chamada Deep Impact sabemos que é possível alcançar todos os objetos maiores que 100 metros de diâmetro. Nos encaminhamos provavelmente aos satélites autoguiados por uma câmera, porque não teríamos tempo para dirigi-los a partir da Terra”, explica o cientista.
A PDC é coisa séria e envolve especialistas da Nasa, da ESA e de outras instituições, mas também há lugar para jogos de RPG. “O jogo consiste em simular uma crise [provocada] por uma possível queda de um asteroide na Terra, com três pessoas desempenhando o papel de autoridades políticas, seus conselheiros científicos, representantes das populações ameaçadas e a imprensa”, explicou Debbie Lewis, especialista em gestão de catástrofes.
“Precisamos de acordos de comando, controle, coordenação e comunicação em nível internacional”, insistiu a especialista. É que os danos causados pela queda de um asteroide podem ser gigantescos em função do tamanho. Segundo especialistas, 75% das diferentes formas de vida na Terra, inclusive os dinossauros, desapareceram por causa da queda de um enorme asteroide há 65 milhões de anos. “Devemos estar preparados, o despertador já tocou, mas teimamos em desligá-lo”, afirmou Lewis.
Créditos: Focando a Notícia

Obesidade materna aumenta risco de diabetes 1 em crianças

A diabetes tipo 1 é mais comum em filhos de mães obesas, mas é ainda mais frequente em pessoas com pais diabéticos - mostrou um estudo sueco publicado nesta terça-feira, 28. A diabetes tipo 1 ocorre mais frequentemente em crianças e jovens, enquanto a diabetes tipo 2, que é responsável por quase 90% dos casos, ocorre mais frequentemente em adultos, geralmente acima do peso.

Publicado na revista Diabetologia, da Associação Europeia para o Estudo da Diabetes, o estudo envolveu 1,2 milhões de crianças suecas nascidas entre 1992 e 2004 que foram acompanhadas até 2009, quando 5.771 tinham desenvolvido diabetes tipo 1.

Liderado pelo professor Tahereh Moradi, do Instituto Karolinska, em Estocolmo, o estudo mostrou que crianças nascidas de mulheres obesas (definida pelo índice de massa corporal - IMC - superior a 30) durante o primeiro trimestre de gravidez tiveram um risco aumentado de 33% de ter diabetes tipo 1 em comparação aos filhos de mulheres com peso normal (IMC entre 18,5 e 25).
Mas o risco de diabetes quintuplicou quando o pai era diabético e por três se a mãe era diabética, mas não obesa.

"Os riscos mais significativos foram observados em crianças cujos próprios pais tinham diabetes tipo 1", observam os autores do estudo, que também alertou para a obesidade ou excesso de peso materno, que aumentam o risco de diabetes em famílias não-diabéticas. Por isso, a prevenção do excesso de peso e obesidade em mulheres em idade fértil - fenômeno que aumenta em todos os países - podem, segundo os pesquisadores, "ajudar a reduzir a incidência de diabetes tipo 1".
Créditos: A Tarde

terça-feira, 28 de abril de 2015

Pacote para infraestrutura pode chegar a R$ 150 bilhões

O líder do governo na Câmara dos Deputados, José Guimarães (PT-CE), disse ontem  (27), após reunião com líderes da Casa, que o pacote de infraestrutura que o Executivo deve anunciar nas próximas semanas deve chegar a R$ 150 bilhões. Segundo Guimarães, a reunião ministerial de sábado (25) "foi estratégica para reforçar a recuperação do país".

Para o deputado, os R$ 150 bilhões são "um grandioso pacote de infraestrutura, uma injeção fundamental para retomar o crescimento da economia, ampliar os empregos e resolver o gargalo da infraestrutura nacional". Ele explicou que o montante refere-se a projetos de concessão de aeroportos, rodovias e ferrovias. Todas as empreiteiras poderão participar, mas, no caso das empresas envolvidas na Operação Lava Jato, o governo seguirá as recomendações da Controladoria-Geral da União, da Advocacia-Geral da União e do Tribunal de Contas da União, acrescentou. 
Crédito: Agência Brasil. 


Quem nunca praticou corrupção que atire a primeira pedra

(Por Padre Djacy )- Está na crista da onda o termo corrupção. Uma expressão usada a todo instante, não só pela Mídia, mas por todos os cidadãos e cidadãs. Todos falam, comentam, discutem, sobre essa realidade daninha enraizada em vários segmentos representativos da nossa sociedade, motivo de revolta, indignação, ódio e desprezo. Também não é pra menos. Hein?
Afinal, o que é corrupção. Onde acontece. Quem pratica esse mal. Quais os seus efeitos maléficos na vida do povo. Quem mais sofre. Quem a pratica. Daí, a pergunta que não quer calar: a corrupção só é praticada por alguns homens e mulheres do mundo da esfera político-governamental? E nós, cidadãos comuns, será que estamos imunes a essa praga? Somos os verdadeiros  impolutos? 
É aí onde nos enganamos.  Muitas vezes não passamos de hipócritas, de fariseus. Criticamos certos políticos ou governantes que praticam corrupção, mas não tomamos consciência de que muitas vezes também praticamos esse mal em grau maior ou menor. Aliás, corrupção é corrupção. Não depende de grau. Elencarei algumas atitudes inconvenientes, descabidas, desrespeitosas, agressivas, desumanas, criminosas, que talvez possamos  considerá-las  como prática  de corrupção  na nossa vida diária. Não sei se estarei infringindo ou deturpando o conceito dado ao adjetivo supracitado. Mesmo assim, caso nunca tenhamos vivenciado na prática um desses itens abaixo, então, podemos “atirar a primeira pedra”.
-Estacionar o seu carro num lugar destinado às pessoas idosas ou  com deficiência físicas.-
Furar a fila, quer num Banco, num  hospital ou em outro lugar.-Querer tirar vantagem em tudo.-Tomar dinheiro emprestado, por pouco que seja, e não pagar.
-Comprar um objeto e ficar com as prestações atrasadas sem dar satisfação à loja ou ao vendedor.
-Ir a uma bodega, comprar uma coisa e dizer: anote aí, depois eu pago, e nada, e nada.
-Aproveitar sua função de funcionário público para ganhar propina ou presentes.
-Não ser transparente nas prestações de contas de quaisquer instituições.
-Desviar dinheiro de uma instituição para fins pessoais, familiares etc.
 – -Ficar rico à custa de propina etc.
-Usar da mentira para facilitar a venda ou troca de um veículo, uma casa ou outro objeto qualquer.
-Não pagar com dignidade aos seus trabalhadores, visando obter vantagem financeira com essa atitude.
-Pagar mal aos seus trabalhadores, quando podem pagar bem.
-Ter o hábito de sonegar  impostos.
-Fazer o famoso “gato” para desviar água ou energia.
- “Pescar” ou “filar” na hora da prova escrita.
-“Consultar” o celular na hora da prova.
-Levar, para fazer uma prova de vestibular ou concurso, um “ponto” no ouvido.
 -Ficar rico à custa do suor e sangue dos  humildes trabalhadores (comercio, construção civil, agricultura etc.).
-Emprestar dinheiro a alguém, sobretudo a uma pessoa pobre, com juro exorbitante. Exemplo: emprestou mil reais, e agora quer que o devedor pague 1700,00 reais.
-Manter suas contas de água, energia, telefone, aluguel etc. atrasadas propositadamente, quando tem condições de pagá-las.
-Usar o artificio da extorsão visando tirar proveito.
-Usar o jeitinho brasileiro para tirar vantagem em tudo. Exemplo: sou seu amigo, facilite a minha vida aí…
-Comprar e não pagar nem amarrado.
-Usar indevidamente, às escondidas, o wife do seu vizinho ou vizinha.
-Vive da arte da mentira. Adora mentir para conseguir seus intentos.
-Manipular dados de pesquisas visando favorecer a si próprio ou a outro.
-Usar a religião ou o nome de Deus para extorquir, enganar, ludibriar, o fiel ingênuo…
-Usar o dízimo de sua igreja de forma injusta, desonesta etc.
-Desviar material de expediente para levar pra casa: papel de oficio, lápis, borracha, grampo, cola etc.
-Enganar o freguês menos avisado na hora de passar o troco.
 -Não estar nem aí com os seus cartões de créditos. Chega o dia do pagamento, passa dias e mais dias, e nada de pagar.
-Cobrar além do permitido, visando obter lucro, quer no cartório, na igreja, na repartição pública etc.(ex.: a taxa do casamento é tanto, mas cobram outro valor, e alto).
-Desviar dinheiro, por pouco que seja, de uma instituição quer pública ou particular, para fins pessoais.
-Comprar, pela internet ou não, um trabalho acadêmico e depois apresentá-lo como sendo de sua legítima autoria (ex.: monografia)
-Ganhar dinheiro em cima do trabalho de outro, como plagiar uma música.
-Comprar uma peça de roupa por um preço baixo para revendê-la por um preço exorbitante, ou seja, cinco vezes mais o valor da compra original. Exemplo: o vendedor comprou uma camisa por 30,00 reais, mas vende por 150,00.
-Comprar Cds piratas ou outros objetos.
-Chegar sempre atrasado no trabalho sem motivo justo.
-Não cumprir fielmente a carga horária, chegando atrasado ou saindo antes do horário previsto.
-Querer ganhar dinheiro sem pisar os pés no lugar onde trabalha.
-Pegar o cartão de aposentadoria do avô ou da avó para sacar ou fazer empréstimo sem o seu devido consentimento.
-Enganar seus pais ou avós no dia em que recebem sua famigerada aposentadoria, subtraindo um determinado valor.
-Fazer compras sem os pais saberem, a não ser no dia da cobrança.
-Financiar um carro, uma moto ou outro objeto, e depois não honrar dignamente com os compromissos assumidos (as prestações).
-Comprar o voto do eleitor despolitizado quando em tempo de eleição.
 -Dar cesta básica, material de construção etc. ao eleitor visando unicamente o seu voto no dia da eleição.
-Mentir, enganar, prometer o céu e a terra ao eleitor.
-Lutar contra a corrupção, mas votar em político corrupto.
-Lutar contra a corrupção, mas apoiar o maldito projeto de terceirização.
-Lutar contra a corrupção, mas apoiar emissora de Televisão que mente, ludibria, engana etc.
-Lutar contra a corrupção, mas bater palmas para o sistema capitalista que explora o ser humano e o meio ambiente etc.
-Lutar contra a corrupção, mas apoiar a pena de morte, a redução da maioridade penal etc.
-Lutar contra a corrupção, mas apoiar a truculência da policia contra os trabalhadores do campo ou da cidade…
-Lutar contra a corrupção, mas se opor, radicalmente, a um governo que dá prioridade à inclusão socioeconômica…
-Lutar contra a corrupção, mas bater palma para o imperialismo americano, que invade nações, promove guerras etc.
-Lutar contra a corrupção, mas ser contra os movimentos sociais que têm como bandeira a justiça social, a igualdade, a vida, a dignidade da pessoa humana.
-Lutar contra a corrupção, mas fazer de suas empregadas domésticas escravas, humilhando-as, tratando-as com desdém etc.
-Lutar contra a corrupção, mas é contra as pessoas e instituições que lutam por justiça social etc.
Pe. Djacy
Uma coisa é certa, mesmo que esteja fora do conceito real, objetivo, do termo corrupção, toda atitude antiética enquadra-se, queiramos ou não, no contexto do termo exposto. É justo, salutar, necessário, combatermos o mal da corrupção enraizada nas instituições governamentais ou não do nosso país, mas comecemos pelas nossas atitudes incompatíveis com os valores ético-morais que regem nossas vidas em sociedade. Quem nunca praticou uma dessas atitudes supracitadas, por menor que seja, “que atire a primeira pedra”. Foto: EBC
Padre Djacy Brasileiro, em 25 de abril de 2015. Email: padredjacy@hotmail.com Twitter: @Padredjacy.
Créditos: Focando a Notícia

Antioxidantes reduzem o risco de câncer

Toda vez que nós inalamos o oxigênio presente no ar que respiramos, ele faz o seguinte trajeto: penetra pelos nossos pulmões e, através do sangue, chega até o interior de nossas células. O que acontece com esse oxigênio a partir daí? Bem, este oxigênio é utilizado para a respiração celular, isto mesmo, nossas células também "respiram", seus "pulmões" são chamados de mitocôndrias, e graças à isto nós conseguimos produzir energia e sobreviver na natureza. Por isso, somos chamados de seres aeróbicos e só continuamos vivos pela presença do oxigênio em nossas células.
Porém, após este processo de respiração celular ocorrer, aproximadamente 2% deste oxigênio é transformado em um grupo de substâncias chamado de espécies reativas tóxicas do oxigênio, também conhecidas como radicais livres. Como o próprio nome sugere, elas podem "intoxicar" nossas células? Infelizmente sim, pois estes radicais livres podem atacar as membranas das células e causar um estrago chamado de peroxidação lipídica que eu compararia a "enferrujar" (oxidar) as células, prejudicando o funcionamento delas. Mas, fique calmo, pois como diz o ditado, Deus dá o frio conforme o cobertor.
Dentro das nossas células também temos a capacidade de produzir um antídoto para anular os efeitos danosos destes famigerados radicais livres. Estes heróis que nos protegem são chamados de enzimas antioxidantes que anulam os efeitos destes vilões. Mas, a matéria prima que nossas células necessitam para a produção destas enzimas protetoras são alguns nutrientes específicos, sendo eles: vitamina C, vitamina E, selênio, manganês, cobre, zinco, riboflavina, betacaroteno, compostos bioativos (polifenóis, flavonóides, carotenóides, glicosinolatos) e outros menos importantes. O que pode ocorrer se houver um desequilíbrio entre a produção exagerada de radicais livres e uma produção menor de enzimas antioxidantes?
A preocupação da ciência com esta possibilidade é tão grande que surgiu uma área de estudo específica para compreender melhor este tema, chamada de Oxidologia, que estuda as causas e os efeitos da "oxidação" excessiva das nossas células (tecnicamente conhecido como stress oxidativo) e suas repercussões na saúde humana. E sabe quais as conclusões ? Vamos enumerá-las abaixo:
Aceleração da velocidade de envelhecimento celular.
Ataque ao DNA das células levando ao risco aumentado de câncer.
Oxidação excessiva do colesterol, que, quando oxidado, aumenta a chance de entupir nossos vasos sanguíneos e aumentar a incidência de doenças cardiovasculares como infarto agudo do miocárdio e derrames cerebrais.
Degeneração de uma região do globo ocular chamada de mácula, aumentando o risco de perda da visão progressiva, mais comum em idosos (Degeneração Macular).
Oxidação excessiva dos neurônios podendo aumentar o risco de doenças degenerativas cerebrais como Alzheimer e Parkinson.
Sem querer ser alarmista vou jogar mais uma lenha nesta fogueira: não só o oxigênio que entra nas nossas células leva a produção dos radicais livres. Outros fatores também podem elevar a produção dos mesmos, de maneira secundária: irradiações ionizantes, infecções, diabetes descompensado, Síndrome Metabólica, intoxicações por metais tóxicos (chumbo, alumínio, mercúrio, arsênico, cádmio, etc), agrotóxicos, tabagismo, excesso de atividade física, alimentação excessiva em gorduras (inclusive a trans) e açucares simples.
Fica a questão: se eu me exponho à um somatório de vários fatores desencadeadores da elevação dos radicais livres dentro do meu organismo como me defender dos estragos do seus excessos? Obviamente aumentando a oferta de matéria prima para que nossas células aumentem a produção das enzimas antioxidantes (os heróis citados acima no texto) e temos então uma chance de diminuir o stress oxidativo que tanto nos deixa vulneráveis. Aonde encontrá-las? Veja como é fácil:
Vitamina C: laranja, limão, tangerina, acerola, goiaba, kiwi, camu-camu.
Vitamina E: óleos vegetais (azeite extra virgem, canola, linhaça, entre outros), gérmen de trigo, abacate, óleos de peixe, gema de ovo.
Selênio: oleaginosas (castanhas, amêndoas, avelãs, amendoins), peixes como salmão.
Manganês: cereais integrais, legumes, castanhas.
Zinco: carnes magras, aves e peixes, ostras, iogurtes desnatados, cereais integrais, germe de trigo.
Cobre: nozes, frutas secas, cereais, leguminosas (ervilha, soja, grão-de-bico, feijões, lentilhas)
Betacarotenos: cenoura, tomate, manga, abóbora, gema de ovo.
Compostos bioativos: alface, agrião, rúcula, couve, espinafre, berinjela, mirtilo, uva rôxa, cenoura, tomate, cúrcuma, chá verde, brócolis, alho, alho-poró, cebola, cogumelos comestíveis, maçã (com casca), pó de cacau, acelga, beterraba, salsinha, pimentão vermelho, couve-flor, entre outros.
Fica também um alerta: doses altas de antioxidantes podem fazer efeito contrário, ou seja, se tornam pró-oxidantes, e o tiro sai pela culatra. Se entupir de cápsulas de vitaminas e minerais em doses altas acreditando ficar protegido pode ser uma grande ilusão e piorar sua saúde. Temos os alimentos corretos. Basta saber utilizá-los a nosso favor.
Qual o ponto de equilíbrio? Evite os fatores (modificáveis) que desencadeiam o aumento do stress oxidativo (vide acima) e tenha uma alimentação adequada em antioxidantes. Faça atividade física leve a moderada regularmente, sob supervisão profissional e visite seu médico periodicamente para avaliar sua saúde e fazer exames de rotina. Essas medidas costumam ser infalíveis, sendo a prevenção ainda o melhor remédio. Siga a dieta do bom senso.
Créditos: WSCOM

Atacado cresce em março e repete aquecimento do varejo

O comércio está em alta como um todo: se as vendas no varejo cresceram em março 4,1%, puxadas pelo salto de 17,1% do comércio eletrônico (e-commerce), também o segmento atacadista acaba de confirmar um forte crescimento naquele período (14,9%), após dois meses de queda. A informação foi divulgada na manhã desta segunda-feira, 27, pela Associação Brasileira de Atacadistas e Distribuidores de Produtos Industrializados (Abad), que lembrou ter havido sucessivas perdas do setor em janeiro (-13,93%) e fevereiro (-8,15%).

O bom resultado ajuda a restabelecer parte dos ganhos registrados pelo comércio atacadista no final de 2014, a exemplo do que aconteceu com o varejo, cujas vendas no primeiro trimestre deste ano quase emparelhou-se com as do terceiro trimestre do ano passado.

De acordo com a Abad, “o faturamento real do setor atacadista cresceu 14,19% em março na comparação com o mês anterior”. O presidente da entidade, José Frota Lopes Filho, afirmou à Empresa Brasileira de Comunicação (EBC) que o setor atacadista é muito dinâmico:
- “É o último a sentir a crise e o primeiro a recuperar”, declarou, num auspicioso sinal de que a economia pode vencer em breve a retração registrada no início do ano.
Levantamento da entidade também revela que o faturamento do setor em 2014 alcançou um total de R$ 211,8 bilhões – aumento real de 0,9% e nominal de 7,3% com relação ao ano anterior (2013).

A participação do atacado no mercado de produtos de mercearia, de uso familiar, como alimentos, bebidas, limpeza, higiene e cuidados pessoais, alcançou 51,7% do total de 2014.
O número de pontos de venda atendido pelos varejistas atingiu mais de 1,064 milhão, que empregava mais de 553 mil funcionários. Também segundo Abad, o segmento farmacêutico e de cosméticos registrou alta de 10,4% no ano de 2014, com ganhos de R$ 17,2 bilhões. 
O varejo “independente” (fora do circuito dos grandes varejistas) foi o segundo em crescimento (6,6%), com ganhos de R$ 128,3 bilhões; o setor de bares teve alta 6,4% e faturamento de R$ 44,7 bilhões.
Créditos: Agencia PT

segunda-feira, 27 de abril de 2015

Empresas de SP investem R$ 5,3 bi e abrem 5 mil empregos

Empresas do Estado de S. Paulo andam na contramão da crise neste início de ano. Segundo a colunista Mônica Bergamo, nos últimos cem dias, 15 empresas de médio e grande porte anunciaram investimentos com aporte de R$ 5,3 bilhões e a criação de cerca de 5 mil empregos diretos.
"A economia está ruim mas, no fundo, empresas que tocam grandes projetos enxergam o cenário para depois do fim do túnel. 
Quando a crise passar, elas estarão estruturadas para a fase de melhora", diz o vice-governador Márcio França (PSB-SP), que comanda também a Secretaria de Desenvolvimento Econômico de SP.Ele cita a fábrica da Mercedes-Benz em Iracemápolis (R$ 500 milhões) e a construção do centro de transmissão da Sky (R$ 1,3 bilhão), em Jaguariúna.
Créditos: Brasil 247

Coreia do Norte ameaça um ataque nuclear contra os EUA


A Coreia do Norte ameaçou atingir os EUA com suas armas nucleares para frear  "a crescente ameaça nuclear" norte-americana, segundo publicou hoje (27) o jornal oficial do país Rodong Sinmun.
O diário acrescentou que os alvos prioritários de Pyongyang incluem o Oceano Pacífico, e não apenas a Coreia do Sul. A ameaça do Norte aconteceu em meio a relatos dos avanços das capacidades nucleares norte-coreanas. A Coreia do Norte já disparou dois mísseis de curto alcance em sua costa oriental em março, em resposta às manobras militares anuais EUA-Coréia do Sul.

Pyongyang denuncia regularmente os exercícios, alegando que são preparativos para a guerra. Durante um discurso na Conferência da ONU sobre o desarmamento em março, o ministro das Relações Exteriores norte-coreano, Ri Yong Su, disse que os treinamentos militares conjuntos encenados pela Coreia do Sul e pelos EUA foram “uma provocação sem precedentes e têm uma alta possibilidade de deflagrar uma guerra”. “A República Popular Democrática da Coreia não pode deixar de reforçar a sua capacidade de dissuasão nuclear para lidar com a crescente ameaça nuclear dos EUA.”

Cerca de 1 milhão de crianças foram afetadas por terremoto no Nepal

O mais recente balanço oficial refere 3617 mortes e mais de 6500 feridos (Reuters) - Quase um milhão de crianças foram "gravemente afetadas" pelo terremoto no Nepal que matou mais de 3.700 pessoas, disse um porta-voz do Fundo das Nações Unidas para as Crianças (Unicef), à medida que as equipes de resgate e trabalhadores de ajuda humanitária tentam auxiliar os atingidos.
Com centenas de milhares de nepaleses dormindo em barracas ou nas ruas, o Unicef disse que seus trabalhadores estão preocupados com doenças infecciosas e transmitidas pela água.
"O que nós sabemos neste momento é que há quase um milhão de crianças que foram seriamente afetadas. Nossa maior preocupação com eles agora será o acesso a água limpa e higiene, nós sabemos que a água e a comida estão acabando", disse Christopher Tidey, do Unicef, por telefone.
Ao menos 3.700 pessoas morreram devido ao terremoto de sábado com magnitude 7,9, de acordo com as autoridades locais. Foi o pior tremor no Nepal desde 1934, quando 8.500 pessoas morreram.  FOTO:  ADNAN ABIDI/ REUTERS(Reportagem de Neha Dasgupta)
Créditos: Reuters

Doenças do coração matam 350 mil por ano no Brasil

A cada dois minutos um brasileiro morre por causa de doenças cardiovasculares, 350 mil a cada ano e um dos principais motivos dessa epidemia é que a população ainda não dá a devida importância à hipertensão arterial. 
Dos milhões de brasileiros que sofrem de hipertensão arterial, somente 20% mantém a pressão controlada o que é fácil e também barato de conseguir. O restante corre o risco de ter um infarto ou derrame (AVC) e nem imagina que pode engrossar a estatística de óbitos prematuros. 

Para diminuir drasticamente o número de vidas que se perdem por doenças relacionadas com o coração, a Sociedade Brasileira de Cardiologia promove campanhas e ações de conscientização em todo o país para que a população conheça a sua pressão arterial divulgando o estilo de vida saudável e, principalmente, ingerindo a medicação quando prescrita pelo médico. \"Alimentação rica em legumes, frutas e verduras, com pouca gordura, sem frituras, sem cigarro, exercício físico constante, controle do peso, do colesterol e da pressão arterial, além de jamais esquecer de tomar o remédio, que é para a vida toda\" orienta o coordenador nacional da campanha, Marcus Bolivar Malachias. 

A pressão é mais baixa nas pessoas que praticam exercício, procuram consumir pouco sal e mantém um peso adequado. Mas mesmo quando a pressão é alta naturalmente – há famílias que geneticamente tendem a ter pressão alta, o tratamento é fácil e o SUS distribui o remédio para controlar a pressão de graça. 
\"O problema é que como a hipertensão não incomoda e não provoca sintomas, os hipertensos muitas vezes abandonam o tratamento, param de tomar as pílulas recomendadas e então voltam a correr risco de infarto e de AVC\", conclui o cardiologista. 
Créditos: Pautas Incorporativas

Estado Islâmico e Arábia Saudita: aliados inesperados

Consequências do bombardeio em Sanaa, capital do IêmenO Estado Islâmico (EI) publicou um vídeo em que anuncia que irá criar uma célula no Iêmen para combater houthis. sendo assim, a Arábia Saudita, que lidera a coalisão e a operação "Restaurando a Esperança", ganha um aliado inesperado."Nós chegamos ao Iêmen, os nossos homens estão ávidos do seu sangue, que deve vingar os sunitas e devolver-lhes a terra que eles outrora ocupavam", disse um dos militantes filmados. Os houthis, alvo principal dos ataques da coalizão, integrada, além dos sauditas, pelo Bahrein, Catar, Kuwait, Emirados Árabes Unidos, Egito, Jordânia, Marrocos, Paquistão e Sudão, são de tendência xiíta.Os mais de 20 militantes vestidos em trajes militares e com armas nas mãos que surgem no vídeo declaram que estão no Iêmen para "degolar os xiitas". O grupo apelou aos sunitas iemenitas para se juntarem ao Estado Islâmico e combater pela sua causa.No entanto, os bombardeios no Iêmen não cessam. O nome da fase atual da ofensiva, liderada pela coalizão saudita, é "Restaurando a Esperança", mas a esperança nem se enxerga. A recente resolução da ONU silencia os ataques sauditas e insta os houthis a se subjugarem.No final da semana passada, o representante permanente do Iêmen nas Nações Unidas, Khaled Alemani, exigiu ao Conselho de Segurança da ONU fazer com que o Irã termine a sua "interferência" nos assuntos internos do país. O Irã tem reiteradamente proposto planos de regulação pacífica do confronto no Iêmen, através do estabelecimento do diálogo político.No entanto, o ministro das Relações Exteriores iemenita, Riyadh Yaseen, rejeitou o pedido de pacificação proposto pelo ex-presidente, Ali Abdullah Saleh."Estes pedidos não são aceitáveis depois de toda a destruição que Ali Abdullah Saleh causou. Não há nenhum lugar para Saleh em nenhumas negociações políticas no futuro", disse o chanceler durante uma conferência em Londres.Foi também o chanceler iemenita quem disse que a operação "Restaurando a Esperança" não terminaria até a libertação total das cidades ocupadas pelos houthis.Saleh foi o presidente do Iêmen de 1990 até 2012, quando o poder foi assumido pelo seu vice, Abed Rabbo Mansour Hadi. Em março de 2015, Hadi fugiu do país.Também em março, a coalizão liderada pela Arábia Saudita começou a intervenção no país. O número de vítimas dos ataques já supera 1 mil pessoas.Créditos: Sputnik

domingo, 26 de abril de 2015

PT, PSDB e PMDB receberam 70% das doações de empreiteiras investigadas pela Lava Jato

As empreiteiras investigadas na Operação Lava Jato destinaram 70% das doações que declararam à Justiça eleitoral em 2010 e 2014 a candidaturas do PT, do PSDB e do PMDB. Dos R$ 930 milhões (em valores atualizados pelo IPCA/IBGE) repassados por essas empresas, R$ 660 milhões bancaram candidatos dessas três legendas. O PT ficou com R$ 308 milhões (33%), o PSDB com R$ 189 milhões (20%) e o PMDB com R$ 162 milhões (17%).
Essas construtoras financiaram, ainda, outras 25 legendas com R$ 270 milhões. Ou seja, dos 32 partidos registrados no Tribunal Superior Eleitoral, 28 (87%) foram financiados nas duas últimas eleições gerais por empreiteiras acusadas pelo Ministério Público Federal de integrar um cartel para desviar recursos da Petrobras, o chamado “clube do bilhão”. Apenas o Psol, o PCB, o PSTU e o PCO – legendas de esquerda e extrema-esquerda que não costumam receber doações de empresas não foram beneficiadas pelo grupo.
Só no ano passado, PT, PSDB e PMDB tiveram um auxílio de R$ 306 milhões dos grupos Andrade Gutierrez, Camargo Corrêa, Engevix, Odebrecht, OAS, Queiroz Galvão, Galvão Engenharia, Toyo Setal e UTC Engenharia. Dessas, só a Toyo não doou a esses três partidos em 2010. Naquele ano, além das oito construtoras citadas anteriormente, também contribuíram a IESA, a Mendes Junior e a Promon. Juntas, essas 11 empresas repassaram R$ 276 milhões (R$ 353 milhões em valores atualizados) para candidaturas petistas, tucanas e peemedebistas. O levantamento considera as quantias declaradas à Justiça eleitoral.
De 2006 para 2010, o gasto das empreiteiras com campanhas políticas aumentou cinco vezes, como mostrou ontem (23) o Congresso em Foco. Foi o maior salto registrado desde 2002. Somadas, em valores corrigidos, as contribuições das empresas agora sob investigação na Lava Jato passam de R$ 1,1 bilhão nas últimas quatro eleições gerais.
Os dados se referem às doações registradas na Justiça eleitoral por empresas apontadas pelo Ministério Público Federal como integrantes do ‘cartel’ formado, segundo os investigadores, para fraudar licitações, corromper agentes públicos e desviar recursos da Petrobras, entre 2004 e 2012. Com exceção da Camargo Corrêa e da Toyo Setal, cujos executivos fizeram acordo de delação premiada, as outras 14 suspeitas negam participação no esquema. Todas argumentam que as doações eleitorais foram legais.(Congresso em Foco).Foto: EBC.
Créditos: Focando a Notícia